EXISTE DIFERENÇA ENTRE SONHO E OBJETIVO?

Sim… Existe!

Para várias pessoas é a mesma coisa.

Mas não é!

Um sonho é… UM SONHO! Aquela coisa gostosa, que você sabe que te faz bem, que te deixa com sorriso nos lábios, mas que não tem conexão (e muitas vezes você inventa pra fazer sentido) e que, do nada, some! Ou porque você acordou ou porque alguém ou alguma coisa te interrompeu… PUFT! Já era!

Um objetivo ele segue algumas “regras”. A principal delas é que NASCEU DE UM SONHO!! Por isso é tão importante nunca parar de sonhar… sem os sonhos não temos objetivos!

Mas, existe uma metodologia criada por Peter Drucker chamada SMART. Ele fez um acróstico com essa palavra (que quer dizer “inteligente”, “esperto” em inglês) e definiu as regras para o sonho tornar-se um objetivo.

S – SPECIFIC (Específico)

Quanto mais específica for sua meta, melhor.
Por exemplo, você quer ganhar mais dinheiro em 2018.

Mas…o que é exatamente ganhar mais dinheiro para você? Dobrar seu salário ou seus lucros, ter um aumento de 100 reais mensais na sua renda?

Cada pessoa possui sua visão de mundo bastante particular. Logo, ganhar mais dinheiro não significa o mesmo para todos nós.

M – MEASURABLE (Mensurável)

Pense na sua meta. Ela pode ser mensurada em termos financeiros, de tempo ou de resultados?

Continuando no exemplo de quem deseja ganhar mais, será necessário definir:
– Quais são os resultados mensais esperados?
– Quanto tempo de dedicação será necessário para alcançar a meta?

Quanto mais evidências palpáveis e não subjetivas você definir, melhor.

A – ATTAINABLE (Atingível ou Alcançável)
Sonhos não têm limites. Objetivos sim!

De nada adianta você construir um planejamento fantástico para um objetivo que não apresenta condições realistas se colocado em prática.

Querer ganhar um milhão mês que vem, salvo se você ganhar na loteria, parece bastante impossível, não?

Porém, não se trata apenas de bom senso na definição da meta SMART.

Você pode até trabalhar com metas e objetivos maiores, mas será que está disposto(a) a pagar o preço e colocar todo o esforço necessário para tornar aquele sonho uma realidade?

Será que você toparia trabalhar 12 horas por dia ao invés de 8 horas para ganhar mais dinheiro?

Se você não tem esse tempo disponível, sua meta não é alcançável e o fracasso será inevitável.

Não há nada de errado em setar metas altas, ao contrário: quando você mira bem alto, as chances de acertar algo abaixo são bem maiores do que se você já decidisse perseguir uma meta pequena.

“Quem já esteve na lua já não tem mais metas na terra.-Edwin Aldrin”

R – RELEVANT (Relevante)

Um objetivo para ser relevante precisa não só estar alinhado a seu propósito de vida, mas também impactar positivamente a sua vida e das pessoas a seu redor.

Ganhar 50 mil reais por mês, ser YouTuber famoso(a) com 2 milhões de seguidores ou abrir uma empresa na área de tecnologia realmente irá mudar algo na sua vida?

Se sim, vá em frente!

Mesmo que você ainda não tenha as habilidades necessárias, nada que muito esforço, estudo e prática não possa mudar.

Caso não tenha certeza, pense bem antes de investir tempo e dinheiro em uma meta SMART que não faz tanto sentido para atingir o seu objetivo principal.

Se o seu objetivo de vida é viver confortavelmente sem ter que se preocupar com dinheiro, talvez ganhar 50 mil por mês seja uma meta bastante coerente.

Porém, escolher a fama na internet, não necessariamente trará o conforto financeiro que você tanto deseja.

T – TIME-RELATED (Temporal ou com Tempo Determinado)

Por fim, temos o último item da meta SMART: o tempo.

Prazos limites são importantes para transformar a procrastinação em ação.

Se uma meta não parece urgente ou não tem uma data de entrega, ela certamente será adiada.

Então defina datas para qualquer meta SMART que você decidir realmente colocar em prática.

Datas realistas, porque se você escolhe prazos curtos demais, corre o risco de desistir por perceber que não conseguirá entregar o que se propôs na data que definiu.

Ou ainda, corre o risco de criar uma situação estressante, que não existiria se você planejasse seu tempo com inteligência.

Não obedecer uma data limite pode colocar todo seu planejamento a perder.

Principalmente se essa etapa da sua meta SMART estiver associada a outras metas, implicando em atrasos, sentimento de frustração e estresse.

Definir a meta SMART é parte importante do processo de mudança. Ter clareza de objetivos através de um planejamento bem estruturado irá ajudar na hora de colocar a ideia para o mundo.

Implementar metas muitas vezes significa mudar hábitos nocivos instalados há tempos ou até mesmo criar novos hábitos.

Como o processo de uma meta SMART é de médio a longo prazo, a consistência das suas ações é que será o fator definitivo entre o sucesso e o fracasso.

O resultado não tem tanto valor quanto o caminho que você constrói para chegar lá.

E você já deve ter sentido na pele a dificuldade que envolve o ato de mudar ou criar um novo hábito. Portanto, para facilitar esse complicado processo, um passo a passo para implementação de um novo hábito pode ajudar bastante:

  • Escolha um hábito fácil de colocar em prática. Você quer ir para a academia todos os dias, mas que tal começar fazendo 10 minutos de alongamento todos os dias de manhã.

  • Aumente aos poucos a “dificuldade” de seu hábito. Passe a fazer 15 minutos de alongamento, depois 30 minutos, depois comece a caminhar pelo bairro e assim vai.

  • Divida seu hábito em blocos de tempo. Quer ler 100 páginas de um livro por dia? Que tal começar com 50 de manhã e 50 antes de dormir.

  • Saiu da linha? Volte imediatamente. O problema aparece quando você faz da exceção, a regra. – Se sentir dificuldade de continuar com o novo hábito, peça ajuda a alguém de confiança para “fiscalizar” seus hábitos todos os dias.

  • Anote seu progresso em um calendário. Marque um X azul quando realizar com sucesso a tarefa e um com vermelho quando não o fizer. – Vá com calma e seja paciente. Siga um ritmo que você sabe que vai conseguir ser frequente.

Bóra conquistar?

#MelhorandoAgoraESempre

#EuAcreditoQueÉPossível

#SouCoach

#Coach

#Coaching

#CoachdeCarreira

#CoachingdeCarreira

#CareerCoach

#CareerCoaching

#LifeCoach

#LifeCoaching

#ProfissaoFeliz

ATOLADO ATÉ O PESCOÇO COM ESSA CRISE! SOCORROOOOOOO!!!!!

Sem sombra de dúvidas, a minha geração está vivendo a pior crise que já existiu em nossa história.

É crise econômica, social, moral, política, ética, de valores… Parece que o mundo perdeu o rumo!

E na sociedade capitalista em que vivemos, dinheiro é um dos focos que todo o ser humano tem. Natural que isso aconteça.

Então, como sobreviver a uma situação onde você não controla? O que fazer para conseguir viver num mundo onde tudo gira em torno do dinheiro, mas você não o tem (e nem de onde tirar!)? Como enfrentar essa crise medonha sem se desesperar? Como passar por tudo isso sem se entristecer e sem achar que as coisas “não tem jeito”?

Mágica? Não… muito mais simples que isso…

FOCO!!!!

A figura dessa postagem é muito conhecida. Muita gente ri dela… muita gente se identifica. Mas poucos param para analisar que o sapo estava com um foco: não ser engolido!
E indo contra a natureza, conseguiu manter o seu objetivo.
Existia tudo contra:
– ele estava em seu habitat natural, onde deveria se sentir mais protegido
– ele foi atacado por algo muito maior
– ele já estava dentro do bico da ave
– não havia ninguém para ajudá-lo

Pra que então lutar?
Por um único motivo: porque ele queria viver!!!! Ele tinha um objetivo maior, ele sabia o que queria e teve força e coragem para manter o FOCO, mesmo diante de tudo contra.

A crise está pra você, pra mim e pra todo mundo. Mas sabe uma coisa? Ela vai passar!!!!
E quando ela passar, onde você estará:
(  ) começando do zero: correndo atrás de emprego, de cursos, de aprendizado, de inglês, de  preparação para lutar pelo seu espaço?
(  ) colhendo os frutos do que plantou na crise: preparação, aprendizagem, crescimento pessoal e amadurecimento?

Quando estamos com uma visão míope, o nosso foco é o aqui e agora, que gera desespero, desesperança e desânimo.
Quando estamos com um foco e encaramos essa crise como um dos passos para fortalecimento, aprendemos que podemos ser muito mais do que imaginamos!

Acredite!
Quando mudamos o foco, conseguimos passar pelas adversidades com mais sabedoria, tranquilidade e força.
Tenha FOCO!!!!

Bóra conquistar?

#MelhorandoAgoraESempre
#EuAcreditoQueÉPossível